VOTE ABAIXO
blog andre sento se. Informar é o Nosso Dever, Comunicar é o Nosso Lema!

terça-feira, 12 de novembro de 2013

SENTO SÉ: Criadores continuam sem receber o Milho da Conab e sem previsão

Cerca de 200 pequenos criadores do município, atingidos pela longa estiagem, fizeram o Cadastro junto à CONAB – através do Escritório Local e regional da  EBDA, com o objetivo de serem beneficiados com a distribuição do milho subsidiado pelo Governo Federal  para apoiar a manutenção dos rebanhos,  continuam sem receber o produto em Sento Sé. Informações dão conta que 340 mil toneladas foram viabilizadas pela presidente Dilma Rousseff para o Nordeste. O Governo do Estado da Bahia, por meio da Secretaria de Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária (SEGRI), Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia – ADAB, a Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola – EBDA, firmaram  parceria com a CONAB para agilizar o cadastramento e distribuição do produto. A retirada nos portos, o ensacamento, o transporte e a distribuição ficou a cargo do Governo Estadual.
Chefe Esc. Reg. EDBA - Foto baixa resolução
Para esclarecimentos e prestar outras informações à população de Sento Sé e em especial aos criadores do município, no que diz respeito  à distribuição do Milho da Conab, a Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Sento Sé, convidou o Chefe  Regional  da EDBA em Juazeiro, OSVALDO LOPES RIBEIRO JUNIOR (Sentoseense).
Presente na sessão do dia 07/11, o representante da EBDA descreveu algumas atividades da empresa no município, parceria com a Prefeitura Municipal e falou porque os produtores locais ainda não receberam o produto. Explicou que para receber o milho o produtor deve dirigir-se ao escritório da ADAB pegar uma ficha da situação fitossanitária dos animais, levar à EBDA, que por sua vez faz o preenchimento de um cadastro que é enviado para análise à CONAB em Salvador, depois a CONAB emite um relatório que é devolvido à EBDA, daí emite-se um boleto, posteriormente as Notas Fiscais para aquisição do milho.
O presidente da Câmara Moacir Martins,  solicitou mais esclarecimentos sobre as questões dos Cadastros. Disse que há atrasos. Os criadores fizeram o Cadastro e não recebem o milho. O Chefe regional da EBDA justiçou dizendo que a CONAB como órgão Federal e não tendo “pernas” (estrutura) para fazer esse processo, a EBDA fez a parceria para ajudar na distribuição. Sento Sé tem 200 criadores cadastrados e que até hoje apenas 50 cadastros aprovados e somente dois criadores receberam.  Temos cobrado de Salvador toda a semana e a CONAB diz que não tem pessoal suficiente para agilizar a avaliação e aprovação dos mesmos. Muitos foram feitos no ano de 2012 e até o momento não foram analisados. Disse Osvaldo Lopes Ribeiro Junior.
Finalmente, recomendou aos criadores que fizessem novo cadastro, quantas vezes necessárias até o receberem o produto. Não deveria ser assim. Acrescentou.
GARANTIA SAFRA
Quanto ao seguro Garantia Safra, o papel da EBDA no processo é a elaboração de DAPS considerando que a empresa trabalha com agricultores familiares e presta uma ajuda ao município nas atividades do Garantia Safra. Moacir Martins procurou saber se a parceria existente entre a Prefeitura Municipal e a EBDA está sendo satisfatória. O gerente regional disse que a parceria serve até de exemplo e tem colocado isso em outros municípios. A cooperação Prefeitura Municipal e EBDA.